Centro Hospitalar da Fiocruz para a pandemia de Covid-19 entra em funcionamento | Riobrasil Noticias

Centro Hospitalar da Fiocruz para a pandemia de Covid-19 entra em funcionamento

Centro Hospitalar da Fiocruz para a pandemia de Covid-19 entra em funcionamento

19/05/2020 17:55:00 | Rio de Janeiro | Fonte: Jornal em Destaque

Em continuidade às ações de enfrentamento à pandemia do novo coronavírus, a Fundação Oswaldo Cruz construiu em menos de dois meses uma unidade hospitalar destinada a pacientes graves contaminados pela doença. Localizado em Manguinhos, sede da Fundação no Rio de Janeiro, o Centro Hospitalar para a Pandemia de Covid-19 – Instituto Nacional de Infectologia Evandro Chagas (INI/Fiocruz) começa a receber hoje (19) os primeiros pacientes transferidos pela central estadual de regulação de vagas. Os leitos serão ocupados gradualmente, a partir da avaliação diária e conjunta da direção com as secretarias municipal e estadual de saúde. A medida garante as condições de segurança necessárias tanto para pacientes quanto para os profissionais de saúde.


Construído em regime emergencial para unir esforços no fortalecimento da rede de saúde, o hospital possui características específicas que o difere das unidades de campanha que estão sendo erguidas pelo país e que terão funcionamento temporário. Todos os leitos, por exemplo, contam com um sistema de isolamento com pressão negativa do ar, específico para infecções por aerossóis. No interior dos quartos, que são individuais, uma tubulação é responsável por sugar o ar contaminado que passa por um sistema de filtragem antes de ser eliminado por chaminés instaladas na parte externa da construção. Há, ainda, uma central de tratamento de esgoto própria, concebida para tratar resíduos com o novo coronavírus e garantir destino seguro do efluente gerado.



Operando em condição de assistência de alta complexidade e sistema de apoio diagnóstico próprio, a área de diagnóstico inclui aparelhos de raio X, ultrassonografia, ecocardiografia e tomografia computadorizada. Também estão disponíveis os serviços de broncoscopia e endoscopia. A unidade é autossuficiente - tem fornecimento de energia, geradores e reservatórios de água e toda a infraestrutura exigida para um hospital desse porte independente das demais áreas da Fiocruz no campus. O complexo, que ocupa uma área total de 9,8 mil metros quadrados, também conta com entrada exclusiva para ambulâncias e heliponto. Em seu pleno funcionamento, serão 195 leitos destinados ao tratamento intensivo e semi-intensivo.

Continue lendo em jornalemdestaque

Compartilhe!




QR Code:









Eventos fotografados em Rio de Janeiro

Ver outros eventos fotografados em Rio de Janeiro - RJ









© Copyright 2003 / 2024 | RIOBRASIL DESENVOLVIMENTO DE SITES, SISTEMAS E ENTRETENIMENTO

SITES DO GRUPO : www.riobrasil.net - riobrasil.com.br - rb1.online - rb1.site


Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.